Resenha de produto: hidratante facial Neutrogena Hydro Boost Water Gel

Hidratante Neutrogena Hydro Boost

Sou uma eterna apaixonada por hidratantes poderosos e que tenham, ao mesmo tempo, uma textura leve (neste post de um tempinho atrás, explico detalhadamente os motivos). Este gel hidratante aqui, da Neutrogena, o Hydro Boost Water Gel, é uma descoberta relativamente recente que já foi agregada à minha lista de favoritos.

Levíssimo, muito refrescante, com fragrância suave e discreta, é uma delícia de passar. Deixa a pele mais macia de imediato e também traz uma sensação de efeito plump. Ou seja, a pele parece mais cheinha e revigorada logo depois que a gente o aplica. O nome, Hydro Boost, ressalta a presença do ácido hialurônico na fórmula – um ativo conhecido por ajudar a reter água nas camadas superficiais da pele. Mas, ao ler a lista dos componentes impressa no rótulo, a gente descobre que este tratamento inclui alguns outros ativos clássicos para cumprir a mesma função. É o caso da glicerina e de silicones aprovados para uso cosmético, como o vinyl dimethicone crosspolymer. Juntos (e associados ao ácido hialurônico), eles fazem com a que a pele fique mais hidratada, com toque acetinado e mais viçosa.

Vale usar à noite, sozinho ou após um serum ou óleo de tratamento (é o que venho fazendo ultimamente). Ou então pela manhã, antes do make. Nas vezes em que o utilizei durante o dia, pude notar que, graças à sua absorção rápida e à sua leveza, ele não interfere em nada no espalhe e no acabamento dos produtos de maquiagem.

Também é bom saber

O hidratante Neutrogena Hydro Boost Water Gel é um lançamento do ano passado, mas a linha ganhou, recentemente, um novo membro, o Hydro Boost Water Gel FPS 25. Por apresentar fator de proteção solar, é recomendado para o uso diurno. Também é bem agradável de se usar e, obviamente, mais adequado para quem deseja incrementar a barreira contra os raios solares, utilizando ou não outro produto por cima. Mas, se esse for o seu objetivo e você tem o hábito de aplicar maquiagem depois do hidratante, anote: não abuse da quantidade de produto. Ele é um pouquinho mais denso que o gel original, sem FPS. Por isso, quando espalhado em uma dose generosa demais, pode afetar um pouco a aderência da base.

R$ 68 (Hydro Boost Water Gel) e R$ 54,90 (Hydro Boost Water Gel FPS 25), 0800 7036363
Foto: divulgação Neutrogena

 

Comments

  • Rapha

    Único ponto negativo é que ele arde ao passar na pele, pena que joguei fora a caixinha pra ver a composição dele.

    • Rosanne

      Já amenizou o ardor? Estou na segunda aplicação e também sinto ardor ao passar, a medida que vai secando vai passando… Também queria saber se é normal.

    • Maria Cecília Prado

      Olá Rosanne, tudo bem? Sei que a sua pergunta foi direcionada a outra pessoa que comentou, mas queria dar um oi sobre o assunto. Em tese, este hidratante não deve causar ardor – pelo contrário, traz frescor e conforto (sensação de pele hidratada, cuidada). Será que sua pele não está pré-sensibilizada por algum outro motivo? Melhor falar com um dermatologista para checar! Beijo e até o próximo comentário!

  • Amanda Rodrigues

    Estou usando e amando. A pele o absorve bem! Não senti ardência ou incômodo.

    • Maria Cecília Prado

      É muito leve, né? Aqueles hidratantes do jeitinho que a gente gosta aqui no Brasil! 🙂

  • Renata Alves Ferreira

    Comecei a usar ontem ele é incrível, só tenho uma dúvida eu posso associar ele com outro hidratante noturno no meu caso uso o 3d da Mary kay e se posso qual passar primeiro?

    • Maria Cecília Prado

      Olá Renata, tudo bem? Este hidratante realmente é muito bom, né? Sobre associações: em geral, ele pode ser associado sim a outros produtos – séruns, anti-idade… E a regra mais comum é que a gente aplique primeiro aquele que é mais fininho e depois o que tem maior densidade, é mais grosso/espesso. O 3D da Mary Kay eu ainda não usei, não sei como é a textura. Compare os dois e depois passe primeiro aquele que é mais leve! Importante: a gente não deve combinar produtos que incluam ativos mais poderosos, como ácidos, com outros cremes de qualquer tipo antes de falar com um dermatologista, OK? Senão o risco de ter problemas é grande! Beijo e continue por aqui no Beauty Editor!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.