Blog das convidadas

Rafaela Siqueira

As convidadas 1/3

Foi em 2009 que eu juntei paixão e trabalho. Sou formada em moda, trabalhava como produtora na Capricho e, naquele ano, fui convidada para assumir a editoria de beleza da revista. As áreas andam juntinhas, a gente bem sabe, mas nem passava pela minha cabeça que o amor por cosméticos pudesse virar carreira. Só que virou, e aí o vício do bem (como eu costumo pensar) fez sentido. Explico: por vício leia um interesse que veio da adolescência, uma coleção de livros e revistas da área e mais um bocado de maquiagem e de cosméticos em casa. Hoje já nem conto mais quantos batons tenho (mas tenho certeza de que já estão chegando a 100...). Como mudar é bom, deixei a revista - e o Brasil - para seguir uma temporada de estudos em Paris. Isso mesmo! No paraíso da beleza! Na cidade das farmácias imperdíveis! No berço de marcas incríveis! E é daqui que eu vou contar as novidades da beauté europeia, aguardem. À bientôt!

Clinique Chubby Stick Cheek Colour Balm. Ou o meu rei do blush natural

Por Rafaela Siqueira em 21/01 | 0 |

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-rafaela-siqueira-blush-em-bastão-chubby-stick

No meio do ano passado, me formei maquiadora profissional numa escola aqui em Paris – a Make-Up Atelier. Foram sete meses de aulas diárias e muita, muita maquiagem pra todo lado. O natural seria que, depois disso, eu comprasse mais produtos e me maquiasse cada vez mais, certo? Errado. Totalmente não. Algum efeito colateral não esperado (risos) provocou em mim a urgência de praticidade, de me maquiar menos e ser mais certeira na compra e escolha dos produtos de uso pessoal – nada a ver com a minha maleta profissional, ok?

Eu não comecei a odiar maquiagem, claro, mas o nécessaire ficou enxuto. Tipo, um nécessaire fitness, pra contextualizar com a “tendência”. E um produtinho ganhou lugar cativo. Foi o Chubby Stick Cheek Colour Balm, versão blush de um produto bem famoso da Clinique, o Chubby Stick. Ok, até aqui nenhuma novidade, é só um blush cremoso em bastão. Mas tem algo na fórmula e na textura balm que me encanta. Ele tem uma certa luminosidade, mas sem glitter ou partículas de brilhos. O acabamento é natural e a cobertura chega a ser um pouco transparente. Ou seja, dá para controlar a intensidade construindo camadas. Espalhar com os dedos é a melhor forma de aplicação, nenhum pincel vai superar isso. É rápido, bem rápido. O resultado é um rubor que parece verdadeiramente seu. Tem glow e cor, mas dá pra ver pele.

Quando comprei, escolhi as cores Roly Poly Rosyrosa – e Amp’d Up Applenude queimado. Cada um custou 24,50 €. São quatro cores no total e eu deixei de lado o coral e o vinho (espero não me arrepender!). Ele não é lançamento aqui na França ou nos EUA, já que surgiu em agosto do ano passado. Mas deve chegar ao Brasil em breve, talvez março. Então este post é, além de um beauty crush explícito, uma forma de dar conselho: o produto vale o teste.

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-rafaela-siqueira-blush-em-bastão-chubby-stick-blush-chubby-stick-balm-chubby-stick-eye-shadow

Os Chubby Stick Cheek Colour Balm combinados a outros Chubby Sticks da minha coleção – o lip balm original e a versão sombra. Sim, eu gosto mesmo dessa linha de produtos!

Fotos: Rafaela Siqueira

Comentários

~ comentário Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários