Maybelline Baby Lips: o balm labial campeão de vendas chega finalmente ao Brasil

Por Maria Cecília Prado em 29/04 | 2 |

beleza-beauty-editor-pele-tratamento-balm-labial-maquiagem-maybelline-baby-lips-produtos-destaque

A história dessa paixão começou assim: eu estava em Nova York, ganhei um Baby Lips de presente e assim, bem de repente, percebi que seria um daqueles produtos de beleza sem os quais eu não poderia mais viver. Isso, um pouco mais de um ano atrás. Semana passada, renovei meus votos de fidelidade. É que esse balm labial da Maybelline acaba de desembarcar no Brasil (já está começando a chegar aos pontos de venda) e eu, que tinha apenas o restinho do primeiro guardado em minha gaveta, agora sou a feliz proprietária de um kit completo, que inclui os seis “sabores” da coleção.

beleza-beauty-editor-pele-tratamento-balm-labial-maquiagem-maybelline-baby-lips-modelo-1

Mas porque o Baby Lips gera esse tipo de amor instantâneo? Tenho aqui as minhas teorias, que explicam não só o meu xodó, mas talvez também o das vorazes consumidoras americanas – que compraram 15 (sim, 15!) milhões de Baby Lips ao longo de 2013 (para efeito de comparação, o número significa o dobro das vendas da Colossal, a máscara para cílios mais bem sucedida da marca). Que envolvem:

a-) a textura incrível, que combina riqueza e suavidade;

b-) os ativos de tratamento, que vão além das ceras mais habituais – inclui centella asiática (para estimular a síntese de colágeno), vitamina E (emoliente e antioxidante), manteiga de karité (que traz conforto e maciez) e ou mel (para as versões coloridas), ou aloe Vera (presente nas transparentes), ambos regenerantes;

c-) o brilho suave, que deixa a boca com aspecto “beijável” – e que pode, em três das variações, oferecer um leve colorido (a modelo Emily DiDonato, acima, está usando a rosinha);

d-) os aromas deliciosos – as combinações incluem maracujá, notas cítricas, cereja, mel…

e-) a embalagem fofa, impossível de não notar.

Uma combinação matadora de qualidades. E que, se nos EUA custa uma pechincha ($ 4,50, em média), aqui também não vai fazer feio no quesito preço (R$ 11,90).

A equipe da Maybelline está apostando alto no sucesso do Baby Lips no Brasil. Eu, que não sou gestora de marca nem nada, tendo a concordar com as previsões. Produto apaixonante, eficiente e ainda por cima barato? É tudo o que a gente quer e gosta. Convido quem experimentar a comentar aí abaixo e trocar uma ideia comigo – e me dizer se conseguiu não se apaixonar…

Fotos: divulgação Maybelline

 

 

 

Comentários

~ comentários Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários