Resenha de produto: serum antiage Caudalíe Premier Cru Le Sérum

Por Maria Cecília Prado em 11/06 | 0 |

Alguns meses atrás, a Caudalíe apresentou a reformulação de sua linha Premier Cru, já bastante conhecida por visar combater, de uma forma bem ampla, os principais problemas relacionados ao envelhecimento da pele. E, entre as novidades, lançou também um novo produto da gama, o Le Sérum, que atraiu de cara a minha atenção. Inspirado nos séruns de beleza das coreanas, ele faz algumas promessas bem interessantes: combater rugas, manchas e flacidez, restaurar a energia celular (= tornar as células mais capazes de se renovar e de resistir às agressões diárias) e, além de tudo isso, dar um glow imediato. Tudo o que a gente deseja, certo?

cosmético foi idealizado para ser usado antes de outros tratamentos da marca, já que também tem a importantíssima função de potencializar a ação dos cremes e fluidos que vêm depois (segundo a marca, multiplica a eficácia deles por sete). Mas, cobaia por vocação que sou, fiz vários experimentos ao longo dos últimos dois meses para sentir como esse soro funciona.

Primeiro, usei por vários dias sozinho, sob bases variadas. Senti que deu mais luminosidade – o glow realmente é notável! –, que trouxe uma sensação discreta de lifting e que deixou o acabamento da pele mais sedoso. A interação com a maquiagem variou. Se eu passava uma base mais cremosinha, tudo funcionava lindamente. Se, por outro lado, escolhia uma base mais líquida e sequinha, ela dava uma “travada”, não deslizava tão bem sobre o rosto (eu precisava acelerar as pinceladas para conseguir uma cobertura uniforme). Conclusão: se for adotar só o sérum como tratamento, recomendo escolher uma base entre fluida e cremosa para acompanhá-lo.

Depois, passei a aplicá-lo sob hidratantes básicos – acrescentava a base só depois desse segundo passo. O combinado se mostrou muito bom, pois o sérum trazia o glow e o hidratante proporcionava a umidade e a textura ideais para se espalhar a maquiagem depois.

Mais de um mês depois, juntei finalmente o Le Sérum ao seu par ideal, o Premier Cru La Crème, e aí o ritual ficou ideal: glow e leve efeito lifting vindos do sérum anti-idade, hidratação e conforto na medida exata proporcionados pelo creme (com sensação de umidade, mas sem untuosidade).

Minha estratégia de testes só não se mostrou 100% acertada porque três semanas depois de eu ter pareado sérum e creme da linha, o Le Sérum, para minha tristeza, terminou (não sei se exagerei na dosagem, mas, usando pela manhã e à noite, no rosto e no contorno da mandíbula, durou dois meses e pouco em minhas mãos). Assim, não pude fechar um ciclo completo de renovação da pele (que leva 28 dias ou um pouquinho mais) e analisar com maior precisão como seriam os resultados totais desse combinado perfeito. Mas pude notar que a-) durante esse período total de Le Sérum em ação, minha pele se mostrou bem firme e b-) a luminosidade e o aspecto de pele saudável (mais descansada, sabe?) aumentaram bastante – ações que, para mim, foram o grande destaque.

TAMBÉM É BOM SABER

Na formulação do Le Sérum estão presentes os ativos clássicos da Caudalíe – o antioxidante e anti-inflamatório resveratrol, o clareador viniferina (extraído da uva) e os polifenóis de semente de uva, também antioxidantes –, o ácido hialurônico (que traz hidratação e sensação de preenchimento) e um novo complexo exclusivo, batizado de vinergy. Ele combina resveratrol e o aminoácido betaína e é o componente capaz de deixar as células da pele mais ativas e equilibradas.

R$ 699, (11) 3032 7564
Foto: divulgação Caudalíe

 

 

 

Comentários

~ comentário Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários