Blog das convidadas

Julia Fernandez

As convidadas 1/3

Costumo brincar e dizer que sou uma “cheiradora profissional”. E, jogo de palavras à parte, a verdade é que estou sempre procurando um novo frasquinho de perfume pra cheirar e decodificar o que têm lá dentro. Sempre fui apaixonada por perfumes, mas foi somente após me formar em Desenho Industrial que decidi trocar os projetos de automóveis pelo criação olfativa. Desde 1998 trabalho no desenvolvimento de fragrâncias e em 2007 fui transferida para Nova York para trabalhar com Design Olfativo. Em paralelo, fiz MBA em Gestão de Marcas de Luxo e tudo o que aprendi no curso agora me ajuda a analisar o frenesi de lançamentos – que não para um só minuto. Aqui no meu espaço dentro do Beauty Editor quero, além de explorar o universo das novidades, trazer pra vocês em primeira mão aquelas tendências que mal despontaram no mercado. E, claro, falar de outras gostosuras desse mundo cheirosérrimo – e delicioso demais.

Perfumes deluxe para o inverno: doze fragrâncias que vão envolver você

Os perfumes vão aquecer seu inverno

Por Julia Fernandez em 29/07 | 2 |

Sexy, quente, encorpado. Vai um perfume com cara de inverno (como o Nina Ricci Extase, este com a musa Laetitia Casta) aí?

Sexy, envolvente, encorpado. Vai um perfume com cara de inverno (como o Nina Ricci Extase, este com a musa Laetitia Casta) aí?

Com esse friozinho instalado, nada melhor que acompanhar os cachecóis e pashminas maravilhosos com fragrâncias que aquecem os sentidos. Os perfumes de inverno são geralmente mais encorpados, e é exatamente no frio que podemos nos aventurar mais e arriscar notas mais robustas e marcantes.

O princípio é simples: com a temperatura mais baixa, o perfume evapora de maneira mais sutil na pele (no calor, é o oposto: quanto maior a temperatura do corpo, o perfume fica mais evidente). Ou seja, está na hora de testar algumas delícias olfativas que podem fazer toda a diferença neste época do ano!

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-julia-fernandez-perfumes-para-inverno-prada-thierry-mugler-dior

Ultra Indulgência – Os aromas de açúcar, baunilha, chocolate e leite estão registrados em nossa memória como referências gostosas da infância. Imediatamente nos reconectamos com estas notas regressivas, e a sensação é de conforto e nostalgia. O perfume Angel é um clássico regressivo, com notas bem docinhas. Thierry Mugler lançou uma edição limitada do Angel  que se chama Eau Sucrée (no centro, na montagem acima), para estimular ainda mais nosso apetite olfativo. Com notas caramelizadas de frutas vermelhas e merengue de doce de leite, a fragrância dá um up divertido no clássico que já conhecemos.
Outros perfumes que vão te dar vontade de morder: Prada Candy L’Eau, Dior Fève Délicieuse.

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-julia-fernandez-perfumes-para-inverno-kenzo-nina-ricci-clinique

Florais Exuberantes – Os florais ganham opulência e originalidade no inverno. As flores-musas, como rosa e jasmin, vêm acompanhadas de notas amadeiradas ou de couro, que trazem uma sofisticação única para a composição. A grande sacada deste grupo é atualizar de um jeito ultrachic os florais de sempre, sem deixar de lado a feminilidade e a elegância.
Superflorais que você pode curtir: Kenzo Flower in the Air L’Eau Originelle (ainda não disponível no Brasil), Nina Ricci L’Extase, Clinique Beyond Rose (ainda não disponível no Brasil).

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-julia-fernandez-perfumes-para-inverno-chanel-yves-saint-laurent-lancome

Assinatura Olfativa – Da mesma forma que nos aventuramos com batons e esmaltes de tons diferentes, mais escuros e mais fechados, no inverno, a proposta serve para escolher perfumes com notas mais encorpadonas, que conferem personalidade única a uma fragrância. Estou observando há uns dois anos a evolução das especiarias nas criações perfumadas femininas, além da presença de notas mais exóticas, como a madeira Oud, típica dos países árabes. Outra nota que vem com tudo é o âmbar, uma resina ultrassensual e quente, que combina superbem com flores brancas. As frutas da estação são escuras, ricas e com polpas “caramelizadas”. Os perfumes deste grupo têm um caráter mais quente e ganham “textura” com a presença desses elementos ricos em sua composição.
Criações que não vão deixar você passar em branco: Yves Saint Laurent Manifesto l’Élixir (ainda não disponível no Brasil), Lancôme La Nuit Trèsor, Chanel Les Exclusifs Misia.

beleza-beauty-editor-blog-das-convidadas-julia-fernandez-perfumes-para-inverno-chloe-carven-narciso-rodriguez

Inverno Minimalista  – Existem também as notas de inverno minimalistas, daquelas que a gente sente chegando pertinho, e dão uma sensação de segunda pele. São aquecidas por notas de almíscar e florais bem balanceadinhos, que prolongam o frescor de pele limpa e feminina. Estes são ideais para quem não quer se enveredar por escândalos olfativos, mas não abre mão de se sentir aquecida com notas superaconchegantes!
Fragrâncias do tipo “chega mais”: Chloé Love Story, Carven L’Eau de Toilette (ainda não disponível no Brasil), Narciso Rodriguez Narciso.

 

Fotos: divulgação

Comentários

~ comentários Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários