Blog das convidadas

Leticia Homsi

As convidadas 1/3

Sou formada em Negócios da Moda e até já trabalhei na área, para a grife Carlos Miele. Porém, acabei virando repórter de beleza após fazer um estágio na revista ESTILO. Foi nessa época, em 2010, que me dei conta de como já era encantada pelo mundo da beauté. Sempre gostei de testar técnicas para fazer penteados ou maquiagem sozinha, em casa, e há muito tempo sou apaixonada por esmaltes, produtos para o cabelo, lápis, delineador e máscara para cílios. Depois da experiência na ESTILO, escrevi para outras revistas, como ELLE, CLAUDIA e GLOSS. Hoje, cuido do departamento de marketing e sou social media manager de um recém-criado e-commerce de beleza, o Pop Make Up, e continuo colaborando para algumas revistas femininas. Aqui, vou mostrar novidades em serviços e produtos da minha terrinha, São José do Rio Preto – onde fico a maior parte do tempo –, além de contar minhas impressões sobre os lançamentos mais recentes.

Naturologia: um bate-papo com a especialista Tylá Pilotto Duarte

Por Leticia Homsi em 02/02 | 0 |

beauty-editor-blog-das-convidadas-leticia-homsi-entrevista-tyla-pilotto-duarte-naturologia-acupuntura-2

Naturologia é um termo que soa estranho para você?? Eu, pelo menos, já ouvi muita gente perguntar: o que é isso? Aprendi o que era naturologia lendo o Guia do Estudante da Editora Abril, lá pelos anos de 2003 e 2004, época em que prestava vestibular. Era uma das opções entre os muitos cursos “diferentões” que a Anhembi Morumbi oferecia na época. Tinha alguns conhecidos que se interessaram e até chegaram a prestar vestibular. Na época, fiquei muito curiosa e até pesquisei  sobre o assunto, mas o interesse profissional acabou ficando por aí.

Ano passado reencontrei uma colega de escolinha da infância (Rio Preto é um ovo, rsrs…).  E, advinha a profissão dela??? Simmmm, Tylá Pilotto Duarte é exatamente naturóloga (alem de acupunturista), fez bem aquele curso que tinha chamado a minha atenção (só que em outra universidade). Ela atende na Center Life Clínica, aqui em Rio Preto, e vem fazendo bastante sucesso com o seu trabalho. Aproveitei a oportunidade oferecida pelo destino e fui até a clínica, conhecer a rotina de tratamentos que ela oferece e saber mais, agora consultando uma fonte conhecida e ao vivo e a cores, sobre a profissão. Veja só que interessante!

Quando você descobriu que seria essa sua profissão?
Na época do vestibular, meio perdida em relação ao que fazer, não saía do setor de orientação do colégio. Buscava informações e pesquisava cursos. Sabia que minha área era da Saúde e até cogitei prestar medicina. Mas, olhando o Guia do Estudante, selecionei três carreiras que me despertaram amor: Psicologia, Musicoterapia e Naturologia. Optei por essa última por ter a possibilidade de conhecer a musicoterapia no curso e pela mistura de técnicas da Medicina ocidental e da oriental.

No Brasil, existem apenas duas faculdades que oferecem o curso; a Universidade Anhembi Morumbi em São Paulo e a Unisul, Universidade do Sul de Santa Catarina, em Florianópolis, ambas particulares. Escolhi a Unisul por ser um curso que já existia há mais tempo, enquanto o da Anhembi, naquele momento, ainda não tinha turmas formadas.

Mas afinal, o que é Naturologia?
Naturologia é um curso da área da saúde que reúne várias terapias naturais. Ele surgiu para incentivar a pesquisa científica e ver quais dessas terapias realmente funcionam, como funcionam e quais delas se aplicam bem a cada tipo de pessoa. O curso mistura princípios básicos da medicina ocidental – ali estão as aulas de anatomia, fisiologia… – e os pilares das medicinas chinesa, ayurvédica e xamânica. Durante o curso, você opta por um desses caminhos. Além disso tudo, ainda aprendemos a parte terapêutica, que engloba aromaterapia com óleos essenciais, florais de Bach, as massagens, como drenagem linfática, reflexologia, shiatsu pedras quentes, e também as argiloterapias.

Na Naturologia vemos o ser humano como um todo e sabemos que muitas vezes a raiz dos problemas e das queixas das pacientes está dentro, e não fora, então procuramos tratar o interior para deixar o exterior em harmonia.

E dessas vertentes, qual você escolheu?
Escolhi seguir a medicina chinesa, mas isso não significa deixar as outras de lado, você apenas se especializa em uma área, fazendo dela seu ponto de partida para os tratamentos. E um dos tratamentos mais conhecidos da medicina Chinesa é a acupuntura; a aplicação de agulhas em pontos energéticos do corpo que trata diversos males, como insônia e ansiedade, por exemplo. Durante a faculdade mesmo, já iniciei os estudos na área e, por meio de um convênio com a Shandong University, universidade chinesa, em 2009 tive a oportunidade de passar um mês estagiando em um hospital da China, observando  o início de tratamentos e os progressos obtidos em um mês.

Como foi a vivência na China?
Totalmente diferente do que estava acostumada. Comida, ritmo de vida, tudo. Lá, visitando os lugares, você descobre que nenhum pilar é colocado por acaso. Tudo tem um significado. Passei um mês em um hospital especializado em acupuntura e fisioterapia. Já viu isso?? Um hospital só para isso?? É incrível! Lá eles cuidam da saúde e fazem prevenção. Duas coisas que me chamaram atenção: cedinho, no ônibus indo para o hospital, eu morrendo de sono, via várias pessoas fazendo Tai Chi na praça, na maior animação. A outra foi um costume deles, que equivaleria ao nosso “happy hour” aqui; uma ou duas vezes por semana, sair do trabalho e ir para casas de massagens (que não têm conotação sexual). São salas com poltronas reclináveis em que você senta e já coloca os pés no escalda-pés e, na sequência, recebe massagens para prevenção de doenças e cuidados com o bem-estar. Não é demais??? Foi um mês de muito aprendizado.

Quais os tratamentos estéticos que você oferece?
A acupuntura – a facial e corporal – podem ser indicadas em vários casos, pois resolvem os sintomas e equilibram o organismo como um todo.

A facial trata rugas, linhas de expressão, olheiras controla a oleosidade da pele, promove efeito lifiting bem natural e até melhora casos de paralisia facial (quanto mais cedo for tratada, mais rápido e melhor o resultado).

Já a acupuntura corporal, trata, por exemplo, a celulite e a flacidez, melhorando a firmeza da pele.

Drenagem com aromaterapia argila, indico para fazer detox corporal.

Quais as dicas você daria para cuidados com a beleza em casa?
Com base na medicina chinesa, vemos que os chineses são longevos. E a explicação para isso tem a ver com o fato de termos diversos tipos de energia em nosso corpo. Existem as que não são renovadas, como a energia vital. Essa é a energia que os chineses mais preservam e buscam economizar, para ter bastante dela quando atingirem idades mais avançadas. E como fazemos para alimentarmos essa energia?

Primeiro, lembrando de respirar. A respiração correta é um dos melhores métodos para mantermos mente e corpo saudáveis, além de estar relacionada, na medicina chinesa, com a pele. Por isso, quanto mais respirarmos da maneira certa, mais bonita nossa pele tende a ficar. Além disso, dormindo cedo, alimentando-se bem e fazendo exercícios e bebendo bastante água.

Existem alguns exercícios para praticar a respiração correta, a diafragmática: deve-se inspirar contando quatro tempos, segurar por quatro segundos e expirar contando mais quatro segundos. Depois serão tempos de quatro, seis e oito. Com esse tempo, conseguimos fazer o oxigênio nutrir a circulação e damos o tempo correto para eliminar todo o gás carbônico do corpo. Isso é o básico. Como é algo difícil de seguir o dia todo, tente fazer duas vezes por dia: ao acordar e antes de dormir ou nos momentos em que estiver mais ansiosa. Isso por pelo menos 10 minutos seguidos.

E com relação a procedimentos estéticos que podem ser feitos em casa?
Com relação à procedimentos estéticos, a argiloterapia é algo fácil de se fazer em casa e promove um verdadeiro detox no corpo. A verde serve para retirar o excesso de oleosidade da pele. A branca desintoxica, ativa a circulação e  tem efeito calmante. Mas existem regras para se ter sucesso nessa prática: a argila deve ser misturada com água em um recipiente de cerâmica ou vidro e batida com espátula de madeira. Esqueça os itens de plástico e silicone para misturar a argila, esses materiais são atraídos pelas  moléculas da argila e acabam penetrando em nosso corpo. As moléculas da argila se ligam a outras moléculas e por isso é que promovem o detox, além fornecem moléculas de nutrientes e oligoelementos ao nosso corpo. Além disso, a camada aplicada dever ser grossa e não pode secar completamente; deve ser retirada quando estiver começando a secar. Isso porque se ela desidrata, as toxinas concentradas ali entram novamente em contato com o corpo, podendo causar alergia.

E a nossa conversa terminou assim. Saí até mais leve e tão encantada com a paixão de Tylá pelo assunto que quero saber ainda mais sobre medicina chinesa. Também estou louca para me jogar nos tratamentos e massagens. Devo, sim, ou sim?

Para quem quer procurar a Tylá: Center LifeClínica, (17) 3353 8555

Comentários

~ comentário Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários