Maquiagem Marc Jacobs no Brasil: ela está chegando!

Por Maria Cecília Prado em 22/06 | 2 |

beleza-beauty-editor-acontece-marc-jacobs-maquiagem-chega-ao-brasil-esmalte-sombra-delineador-batom-blush-base-máscara-para-cílios-2-photo-ok

Agora falta pouco, pouquinho mesmo para a maquiagem Marc Jacobs, lançada ano passado no mercado internacional, chegar ao Brasil. A Sephora (que será o ponto de venda exclusivo da marca) não confirma o dia exato, mas até o final do mês (ou seja, em menos de dez dias!), promete colocar os produtos-desejo do estilista americano em suas prateleiras e em seu e-commerce. Então vou aproveitar para mostrar os produtos que estão chegando e falar da minha experiência com três deles – dois que comprei no ano passado, um que testei nos últimos dias, recebido no press kit do lançamento. Vamos lá!

beleza-beauty-editor-acontece-marc-jacobs-maquiagem-chega-ao-brasil-batom

Primeiro, o que está chegando por aqui. São 16 itens ao todo – comparando com o que é oferecido pela Sephora americana, senti falta apenas dos pincéis de maquiagem e do glitter para os olhos. Esmaltes, blushes, brilho para lábios com dois acabamentos (mais pigmentado e mais transparente), batons, sombras em dois tipos de estojo (com três e com sete tons), duas variações de base (fluida/gel e mousse), duas versões de corretivo (líquido e cremoso), pó facial, delineador em lápis e em caneta, máscara para cílios, bronzant, balm labial e (ufa!) gel para sobrancelhas estão na lista. Os preços variam muito, mas, é bom avisar, nunca são baratinhos – esmaltes, os itens mais em conta, saem por R$ 75; as paletas com sete sombras, as mais caras, custam R$ 290. As cores são lindas, lindas, lindas, seja as dos batons (você pode ver três acima, o vinho 128 Seduce Me, o vermelho 120 Voilá! e o nude terroso 114 Understudy), seja das sombras (que podem ser mates, acetinadas ou metálicas), seja dos esmaltes, dos quais fiz um seleção mais abaixo. E as texturas e efeitos podem ser consideradas destaques.

beleza-beauty-editor-acontece-marc-jacobs-maquiagem-chega-ao-brasil-base-pele-base-gel

A da base Genius Gel é um bom exemplo.  Foi ela que comecei a testar mais recentemente e da qual estou gostando bastante. Como o nome já diz, tem uma consistência gel – e o que você vai efetivamente sentir ao aplicar é que o deslize é bem fácil e a leveza, impressionante. E quando o produto “assenta” e você cai na vida com ele, vai continuar notando essa leveza toda – a maquiagem permanece sequinha e confortável ao longo do dia. A cobertura está mais para leve (mas mesmo assim suaviza bastante a vermelhidão – eu, que tenho um pouco de rosácea, fiquei com a pele bem menos rosada ao utilizá-la), mas se você aplicar com esponja, obterá uma cobertura maior. O efeito final está mais para mate, mas sem excesso de opacidade.

A outra base (Marvelous Mousse) promete cobertura total e mais mate ainda, mas essa eu ainda não testei. No entanto, dei uma olhada em reviews mundo afora e o que mais se destaca positivamente é a textura agradável (mais para creme do que para mousse, segundo quem experimentou) e a boa cobertura que, apesar de esconder bem manchas e vermelhidão, não compromete a delicadeza do resultado.

beleza-beauty-editor-acontece-marc-jacobs-apresenta-linha-de-maquiagem-no-brasil-sombra-paleta-de-sombra-sombra-metalizada

As sombras (das quais prometo providenciar imagens melhores – esta eu precisei improvisar selecionando parte de uma montagem, pois percebi, em pleno fim de semana, que não tinha imagens em separado desses produtos…) são outro destaque. Eu comprei esta aqui, a The Starlet, na semana em que foi lançada nos Estados Unidos – uma amiga minha que mora em San Diego, a Kátia (que escreve no Blog das Convidadas aqui do Beauty Editor, você já conhece?), estava para vir para cá naquela época e trouxe rapidinho para mim. É um produto que eu e todos os maquiadores amigos que experimentam amamos. Os tons são lindos, os metalizados reproduzem na pele o efeito mostrado na paleta (pay-off nota 10!) e a textura (mais uma vez ela…) é muito boa. As sombras são em , mas o resultado na pálpebra lembra o de sombras cremosas, dão muito brilho e leveza. E, o melhor, não marcam vincos. Make realmente deluxe.

beleza-beauty-editor-acontece-marc-jacobs-maquiagem-chega-ao-brasil-esmalte-esmalte-vermelho-esmalte-metalizado-esmalte-roxo

Por fim, o esmalte, o terceiro produto que adoro da linha. Eu tenho um vinho profundo, o Jezebel, também desde o ano passado, e sou fã da boa cobertura e do brilho intenso que ele proporciona. Mas preferi mostrar outros quatro tons mais diferentes que vi no lançamento para imprensa – são lindos e chamaram muito a minha atenção. Partindo do alto à esquerda e seguindo no sentido horário, você vê o Lola (vermelho tomate), o Glinda (um prata ultrametalizado, com glitter fino e bem concentrado), o Ultraviolet (roxo cremoso power) e o Oui! (um magenta metálico com glitter fininho). De contra, eles só têm a embalagem que, apesar de glamourosa, não encaixa muito bem na mão na hora de aplicar (algumas manicures dão uma reclamadinha de que não é prático). Mas, vamos combinar, com tanta beleza assim, a gente até abre mão da praticidade, não é?

Conforme for experimentando outros produtos da marca, faço reviews aqui no Beauty Editor, prometo. E se você já experimentou e tem algo a dividir, conta nos comentários logo abaixo!

Fotos: divulgação Marc Jacobs/Sephora

 

 

Comentários

~ comentários Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários