Adriane Galisteu morena: todos os detalhes sobre o novo look de beleza

Por Maria Cecília em 07/05 | 0 |

adriane-galisteu-morena-cabelo

Adriane Galisteu morena – quem poderia imaginar? Sua imagem como modelo, apresentadora e atriz sempre esteve associada ao cabelo loiro – mais platinado, mais quente, com mechas mais ou menos aparentes, mas loiro o tempo todo. Então, foi um choque coletivo quando começaram a surgir fotos da celeb com um look totalmente diferente, com fios castanhos.

Assim que isso aconteceu, saí correndo atrás do Anderson Couto. É que esse top cabeleireiro carioca, que conheci pessoalmente algumas semanas atrás (e que me deu uma entrevista ótima durante esse encontro), foi o grande responsável pela mudança de Adriane. Meu objetivo: checar todos os detalhes sobre a transformação dramática mas, a meu ver, muito bem sucedida. A seguir, os segredos do processo + as dicas do Anderson para quem quiser copiar o visual. Confira!

OS DETALHES TÉCNICOS

Anderson me explicou que para transformar um loiro tão claro em castanho é preciso fazer uma pré-pigmentação. Se o colorista não tomar esse cuidado, o cabelo tanto pode ficar manchado como não ganhar uma cor viva, brilhante. No caso dos fios de Adriane Galisteu, sua estratégia foi misturar o pigmento Wella Color Perfect /43, acobreado, com água (água mesmo – não é oxigenada, não!), espalhar em todo o comprimento e deixar agir por 10 minutos. Depois de enxaguar esse pigmento, veio o segundo passo: a aplicação de dois tonalizantes também da Wella: o Color Touch 6/0 e o Color Touch 6/37, misturados em uma proporção de 6 por 1. O resultado foi esse tom loiro escuro vibrante que, quando a gente olha, percebe como um castanho dourado. Lindo!

Adriane e Anderson logo após a transformação: pelo sorriso da ex-loira, dá para sentir o quanto ela ficou contente, não é?

E MECHAS, ELE NÃO FEZ?

Ao observar o novo hair look de Adriane, a gente fica com a impressão de que o castanho dourado tem luzes. Mas esse efeito, na verdade, tem relação com as características que o cabelo apresentava antes que fosse feita a nova cor. “Os fios tinham mechas. Nos pontos em que havia essa luminosidade prévia, o castanho ganhou uma outra nuance, um brilho a mais. O resultado final é uma cor menos sólida e mais iluminada”, me explicou Anderson Couto durante a nossa conversa. Se você também tem mechas e pretende escurecer, provavelmente vai conquistar um visual parecido.

PARA QUEM ESSA COR FUNCIONA?

Para todo tipo de beleza, garante Anderson. “Combina com pele morena, branquinha, parda… Não tem erro, qualquer mulher fica bonita com esse tom de cabelo“, assegura o cabeleireiro.

Um complemento rápido em relação à manutenção: loiras que viram morenas precisam tomar cuidado  para evitar que os fios desbotem. Isso significa tanto fazer novas tonalizações (o cabeleireiro indicará a frequência ideal) como usar produtos capilares que minimizem alterações na pigmentação. Xampus que lavem de forma mais delicada, condicionadores e máscaras que tanto tragam maciez como mantenham a integridade do fio (Anderson recomenda os da linha Brilliance, da Wella, marca da qual é embaixador) e cosméticos leave-in que protejam contra a luz do sol são os aliados ideais para manter o novo castanho  uniforme e cintilando.

Quer conferir outra coloração feita recentemente por Anderson Couto que também está bombando? Então clica aqui!

Fotos: divulgação Wella e reprodução Instagram

Comentários

~ comentários Comentar

  • carregando...
  • Nenhum comentário.
Ver mais 96 comentários